WEBINAR

Microexpressões faciais: o que a máscara não consegue esconder

QUINTA-FEIRA, 25 DE JUNHO, 18H00


INSCRIÇÕES


Inscreva-se e receba uma infografia sobre as principais emoções, as suas causas, funções e indicadores confiáveis que vão ajudar a reconhecê-las através de micro expressões faciais!

DURANTE ESTE WEBINAR VAI DESCOBRIR:

  • As expressões faciais que nem as máscaras conseguem esconder
  • Como reconhecer estas emoções através de micro expressões
  • A razão (porque acontece?) e a função (para que serve?) de cada emoção
  • As emoções que podem prejudicar o trabalho da sua equipa


PARECE-ME BEM. EU VOU!



SOBRE A FORMADORA:

Irina Golovanova, especialista em comportamento e comunicação não verbal, durante os últimos 10 anos tem ajudado profissionais a comunicar a sua mensagem, o seu produto e a sua atitude de forma clara e eficaz. Sem falar.

Irina Golovanova

Especilista em comportamento e comunicação não verbal


ALGUNS ARTIGOS RELACIONADOS:

Na terça-feira o PM anunciou a saída do Ministro das Finanças. Claro, todos queremos saber o que não foi dito verbalmente. Eu também. E como o corpo fala mais alto que as palavras, consigo destacar alguns momentos interessantes naquela conferência de imprensa — tristeza, desprezo e desconforto.

Quando e porquê? Está tudo explicado no artigo.

Foi às compras nos últimos dias? Se sim, já sabe do que vou falar neste artigo — daquela sensação bem estranha de sermos atendimentos pelos profissionais do costume, mas agora com máscara a tapar metade da cara...

Não há ninguém que não tenha sentido a diferença. E este novo “normal” não é nada normal. Vai exigir esforço dos dois lados — de quem compra (para se habituar) e de quem faz o atendimento.

Problema: Como melhorar a experiência de atendimento, especialmente quando este é feito com máscara? Se a sua empresa tem colaboradores a atender os clientes de máscara, qual é a solução?